Os investimentos públicos estão no menor patamar dos últimos 10 anos, o que prejudica principalmente o setor da construção civil e contribui para puxar o PIB para baixo. Em meio ao esforço para reduzir despesas e cumprir a meta fiscal, os investimentos do governo federal nos primeiros sete meses do ano somaram R$ 16,3 bilhões, quase R$ 10 bilhões a menos do que o mesmo período de 2016 e o menor valor desde 2008, quando começa a série histórica.